Presidente de Taiwan vai à missa solene do papa Francisco

Viviane Bittencourt

15 de março de 2013 | 11h21


TAIPEI/PEQUIM (REUTERS) – O presidente de Taiwan, Ma Ying-jeou, assistirá à missa solene de início do pontificado do papa Francisco na terça-feira, informou o governo nesta sexta-feira.

O Vaticano é o único aliado diplomático europeu de Taiwan. A China afirma que a ilha é uma província dissidente, desde que ambas tem sido governadas de maneira separada desde que as forças nacionais derrotadas fugiram a Taiwan em 1949, depois de perder a guerra civil chinesa.

“A Santa Sé é nossa aliada diplomática e o presidente (…) está liderando uma delegação para assistir à missa de início do pontificado do novo papa”, disse a jornalistas a vice-ministra de Relações Exteriores, Vanessa Shih.

“Ambos os países compartilham muitos valores universais, como liberdade, a democracia, a liberdade religiosa e a justiça (…) Nós temos valores e crenças em comum, portanto, uma estreita amizade”, acrescentou.