Testemunha de acusação se emociona ao depor

Viviane Bittencourt

15 de abril de 2013 | 11h36

A primeira testemunha de acusação a depor na manhã desta segunda-feira, o detento à época do massacre Antonio Carlos Dias, emocionou-se ao falar sobre o momento em que os policiais militares invadiram o segundo pavimento do Pavilhão 9 da Casa de Detenção de São Paulo.

Foi solicitado um copo de água a Dias, que retomou o seu depoimento alguns momentos depois. Ele relatou a morte de alguns de seus colegas detentos pelos PMs e a sua fuga para o pátio do presídio.

Tudo o que sabemos sobre:

carandirucasa de detençãomassacre

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.