Foguete de balão

Thais Caramico

15 de maio de 2010 | 07h27

foguete1

Material:
Barbante (2 a 3 metros)
Um canudo
Uma bexiga
Um pedaço de fita crepe

Como fazer:

Amarre uma ponta do barbante em uma cadeira ou no trinco da porta. Depois, coloque o canudo na outra ponta do barbante. Encha o balão e use a fita crepe para prendê-lo no canudo (segurando a ponta para que não esvazie antes da hora). Feito isso, solte a ponta da bexiga para que o foguete percorra o fio.

Seja criativo: peça para um amigo segurar a outra ponta do barbante, faça com um pedaço maior ou monte uma corrida de foguetes com vários participantes. Você pode até cronometrar cada voo e ver quem é o piloto mais veloz.

foguete2

Explicação:

Quando um foguete decola, ele enfrenta duas forças que precisam ser superadas para se movimentar: a gravidade e a resistência do ar. Para decolar corretamente, é preciso aplicar um impulso suficiente para superar essas forças.

No nosso foguete de balão, estamos aplicando um impulso com o ar que está dentro da bexiga, por isso ele se movimenta. O barbante serve para direcionar o balão, fazendo com que ele percorra um caminho reto, caso contrário, voaria como louco (experimente encher um balão e soltá-lo sem prendê-lo, é muito engraçado).

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.