Terra, chamando…

Estadão

11 de junho de 2010 | 19h01

astro1

 

Há muito tempo, o astronauta Tom partiu para um missão e não voltou mais. Ficou por lá. Visitou a Lua e deu até uma passadinha na constelação de Hidra. Conhece? Hidra é uma região espacial perigosíssima, habitada por cobras espaciais que passam o tempo comendo os moradores de constelações vizinhas.

Tom conheceu coisas boas também, como Ziggy, o seu melhor amigo. Ziggy é um peixe-boi flutuante, que nasceu na constelação do Peixe Voador. O astronauta confessa que a vida lá em cima é ótima, mas sente falta de uma coisa: falar com sua esposa na Terra. Quando as saudades apertam o coração, ele tenta de tudo para se comunicar com nosso planeta. Sua esperança é uma rede de TV transmitida por satélite. Será que isso é possível?

A aventura de Tom está no espetáculo O Astronauta, que estreia amanhã (dia 12). Inspirada em duas canções de David Bowie, a peça tem cenário de nave espacial e personagens que lembram as constelações de verdade. Mas, atenção, a missão é só para corajosos: Tom confessou que tem até um dragão de 100 cabeças!!!  
 
O Astronauta. Teatro Cleyde Yáconis. Av. do Café, 277, Jabaquara, (011) 5070-7018, São Paulo. Sábado e domingo, às 16 h. R$ 10. Até 8/8.

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.