Um sonho encantado

Estadão

21 Abril 2012 | 06h46

2sarah.jpg

“Em um belo dia, Maria estava no jardim de sua casa colhendo algumas flores para levar à escola.

Era sua mãe que a levava e, durante a caminhada, Maria contou-lhe sobre o sonho que tivera naquela noite. Disse que sonhara que morava em um castelo e lá havia um menino que sempre cuidava da natureza. Ele começou a cuidar do verde desde muito novo. Com dois anos, começou a andar e, assim, já ia colhendo o lixo do jardim. Então, isso fez com que lá tudo fosse lindo e florido.

A mãe escutava atenta e perguntou se era por isso que a menina acordou bem cedo para ir ao jardim.

A filha explicou que caiu da cama com vontade de dar flores para todas as pessoas, para que todos saibam da importância da natureza na nossa vida.

Ao chegar à escola, a menina entregou as flores às amigas e disse que na natureza nós temos comida e água sem precisar comprar e que está na vez de todos na cidade lutarem sem medo para preservá-la.

Nesta hora, o professor Roxane aproveitou para explicar a importância da proteção ambiental.”

Sarah Soares Aquino, 9 anos

Esta é uma história produzida por um dos alunos da professora Veronice Leal, do 5º ano do Colégio Santa Maria, em São Paulo, que aceitou o desafio do Estadinho de criar uma história usando as palavras da nuvem de tags publicada na edição de 24 de março.