Voto de protesto

Estadão

26 de setembro de 2010 | 10h30

cacareco_500.jpg

Em 1958, também teve eleições. Na época, ninguém nem sonhava com urnas eletrônicas. Para protestar contra os candidatos corruptos que estavam participando, um jornalista teve uma ideia engraçada.

Ele escolheu um rinoceronte do Zoológico de São Paulo para ser candidato a vereador. O animal se chamava Cacareco.

A campanha do Cacareco ficou tão famosa, que ele recebeu 100 mil votos. Para ter uma ideia, o partido mais votado não chegou nem a 95 mil votos.

Naquela época, não havia urnas eletrônicas, era preciso escrever o nome do candidato em um papel. Dessa forma, várias pessoas escreveram o nome do Cacareco.

Até hoje, quando o público resolve votar em algum candidato apenas para protestar, damos o nome de “voto cacareco”.

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.