As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cuidado com a Clarimunda

Cley Scholz

23 Abril 2012 | 11h11

clarimunda

“Não dê carona à Clarimunda. Ela é perigosa. Faz parte da ‘turminha brava’. Ela se instala: logo vem atrás o bando todo e em breve estamos sem carro. A especialidade da Clarimunda é sujar o motor, provocando com isso estranhos ruídos. Começa de leve, em carros que não usam Bardahl. Logo atrás vem o Carvãozinho e o Antônio Sujo, seus companheiros preferidos. Mas não tarda, lá estão também o Chivo Válvula Presa e o Zé dos Anéis Presos”.

29 de setembro de 1963.

Mais anúncios dos óleos Bardahl AQUI.

   Siga-nos no Twitter!