coluna

Louise Barsi explica como viver de dividendos seguindo o Jeito Barsi de investir

As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O diamante cor de rosa

Cley Scholz

14 de janeiro de 2011 | 23h17

robertocarlos

Roberto Carlos, Erasmo Carlos e Wanderléia compram uma estatueta não Japão e depois são perseguidos por uma quadrilha de lutadores orientais. Eles descobrem um antigo mapa de tesouro fenício escondido na estatueta e vão em busca de um diamante cor de rosa no Rio de Janeiro. Veja abaixo um trecho do filme onde os três circulam pela cidade em um jipe. O filme dirigido por Roberto Farias é de 1968. Estava em cartaz em São Paulo nos cines Olido, Marabá, Iguatemi, Windsor, Pigale e Rio, em julho de 1970.

Outros reclames de filmes de cinema AQUI.

Siga-nos no Twitter!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: