As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Tiradentes: Fidelidade através dos tempos

Cley Scholz

21 Abril 2014 | 09h30

Mensagem de Tiradentes contra a dependência estrangeira no anúncio da multinacional Standard Oil em 1932:

tiradentes

“Cumpri o meu dever  – Morro em holocausto à liberdade!”
Empolgado pelo ideal de libertar o Brasil da opressão estrangeira, Tiradentes conspirou no célebre episódio da Inconfidência Mineira. Traído e condenado à morte, o heroico alferes de cavalaria não fugiu à responsabilidade, e no patíbulo exclamou: “Cumpri o meu dever e morro pela liberdade da Pátria!”
Entregou-se ao carrasco sem vacilar, mas dentre os que sofreram o martírio pela fidelidade a uma causa, resplandece o seu nome aureolado para sempre. Standard Motor Oil é igualmente fiel. Com toda justeza e o fervor dos heróis da história Standard Motor Oil pode dizer: “Eu cumpri o meu dever”, pois ano após ano este tenaz lubrificante é infalível na sua lealdade ao motor que protege.
29 de janeiro de 1932.
Outros reclames sobre liberdade AQUI.

Mais conteúdo sobre:

1932liberdadestandard oiltiradentes