PUBLICIDADE

Confronto com polícia deixa quatro traficantes mortos no Rio

Polícia acredita que grupo sairia em 'bonde' para atacar policiais em serviço; uma moradora ficou ferida

PUBLICIDADE

Quatro traficantes morreram na noite de sábado, 18, num confronto com policiais militares na Cidade Alta, conjunto habitacional da zona norte do Rio de Janeiro.

 

PUBLICIDADE

A moradora da comunidade Priscila da Silva Monteiro, de 23 anos, foi ferida por uma bala perdida no tornozelo. Armas, granadas e drogas (maconha e crack) foram apreendidas. O confronto ocorreu entre os agentes do 16º Batalhão e traficantes do Morro da Cidade Alta e da Mangueira, que estavam escondidos no local.

 

A Polícia Militar (PM) acredita que eles sairiam em "bonde" pela zona norte, inclusive para atacar policiais em serviço, e os conteve antes que partissem.

 

Os bandidos, segundo a corporação, estavam armados, vestidos de preto e de coletes quando foram surpreendidos. Policiais em patrulhas e cabines vêm sendo atacados a tiros por criminosos desde quinta-feira. No entanto, o secretário de Segurança Pública do Rio, José Mariano Beltrame, nega que seja algo sistemático.

 

Ele não vê relação entre os incidentes ocorridos quinta, sexta-feira e ontem. Ainda assim, o policiamento foi reforçado em toda a região metropolitana do Rio.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.