Irmão admite ter matado atriz de famosa novela britânica

Caso chamou a atenção da mídia local dada a crueldade do crime e pelo local onde corpo foi encontrado.

PUBLICIDADE

Por BBC Brasil
1 min de leitura

O irmão da ex-atriz Gemma McCluskie, que atuou na novela britânica EastEnders, no ar desde 1985, admitiu responsabilidade pela morte da irmã. Tony McCluskie, de 35 anos, terá de enfrentar um julgamento no dia 14 de janeiro, no tribunal de Old Bailey, onde a questão será saber se foi o homicídio foi culposo ou doloso (com intenção de matar). O caso foi destaque na imprensa local devido às estranhas circunstâncias com que a história chegou ao público: primeiro, com o desaparecimento da atriz, seguido pela detenção de Tony, que estava diretamente envolvido nas buscas, e pelo difícil resgate do corpo da vítima. O torso de Gemma foi encontrado em 6 de março no Regent's Canal, canal que liga o Parque Olímpico, no Leste de Londres, ao Regent's Park, cortando alguns dos mais importantes cartões postais e bairros ricos de Londres. Mais partes do corpo, desde então, vinham sendo removidas do canal, embora a polícia somente tenha achado a cabeça da atriz meses depois, em setembro. Gemma interpretou Kerry Skinner na novela da BBC em 2001. Ela foi vista pela última vez na inauguração do Royal London Hospital, em Whitechapel, seis dias antes de seu corpo ser encontrado. Na época, família, amigos e atores apelaram por ajuda para encontrar a atriz. Tony, que foi um dos primeiros a participar das buscas pela atriz, espalhando cartazes pela região de Hackney (onde ela morava), é acusado de matá-la nos dias que antecederam 6 de março. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.