PUBLICIDADE

Rússia bloqueará carnes de Canadá e México a partir de 8 de abril

PUBLICIDADE

Foto do author Redação
Por Redação

A Rússia planeja banir as importações de carnes da maior parte dos fornecedores do Canadá e do México a partir de 8 de abril, em função de preocupações sobre o uso do aditivo ractopamina, disse nesta sexta-feira um porta-voz do serviço veterinário e fitossanitário do país. "Mais de 50 por cento das empresas canadenses serão excluídas da lista de fornecedores", disse Alexei Alekseenko. O país também planeja bloquear cerca de 80 por cento das importações de carnes do México também a partir de 8 de abril, disse a agência de notícias Interfax, citando o chefe do serviço veterinário, Sergei Dankvert. Alekseenko disse que não poderia comentar sobre o bloqueio aos fornecedores mexicanos. A Rússia, que baniu importações de carnes dos Estados Unidos, em fevereiro por conta de temores sobre aditivos, está atualmente importando carnes principalmente do Brasil e do Canadá, disse Alekseenko, em outra entrevista, no início da semana. A ractopamina é utilizada como um estimulante de crescimento na engorda dos animais, e está proibida em alguns países por temores de que resíduos poderiam permanecer na carne e causar problemas de saúde, apesar de evidências científicas de que o aditivo é de uso seguro. (Reportagem de Polina Devitt)

Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.