Três anos após terremoto Haiti ainda teme a fome

Seca prolongada e enchentes prejudicaram agricultura do país após catástrofe de 2010

PUBLICIDADE

Por BBC Brasil
2 min de leitura

Em uma tarde de 12 de janeiro há três anos, um terremoto de proporções catastróficas devastou o Haiti. Mais de 300 mil pessoas morreram e um milhão e meio ficaram desabrigadas. Boa parte da infraestrutura do país foi arrasada e até hoje 300 mil haitianos ainda vivem em 496 abrigos improvisados. O problema da alimentação para os desabrigados continuou nos últimos três anos. Foi agravado por longos períodos de estiagem intercalados por inundações devastadoras, provocadas por furacões e tempestades. Esse cenário acabou com 40% da produção agrícola haitiana. Hoje metade dos alimentos consumidos no país são importados. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.