PUBLICIDADE

Festival de Berlim encerra lista de longas concorrentes

O Festival, que começa no dia 9 com Snow Cake, de Marc Evans, anunciou hoje a inclusão de dois novos títulos

PUBLICIDADE

Por Agencia Estado
Atualização:

Os filmes Find me Guilty, de Sydney Lumet, e Offside, do iraniano Jafar Panahis, disputarão os troféus Urso de Ouro do 56.º Festival de Cinema de Berlim e encerram a lista de 19 longas-metragens do evento. A seleção oficial contará ainda com outros sete filmes fora da mostra competitiva. A direção do Festival anunciou hoje a inclusão dos dois títulos. No processo de seleção dos organizadores, falta apenas divulgar o último longa a ser exibido, em 19 de fevereiro, no encerramento do Festival, e que também não competirá oficialmente. O Festival de Berlim começa no dia 9 com Snow Cake, de Marc Evans. Nos dias seguintes, serão apresentados vários estilos diferentes de fazer cinema. Dieter Kosslick, diretor do Festival, adiantou que os filmes abordam temas como a globalização e outros assuntos políticos e sociais relativos ao momento atual. A direção do Festival escolheu a britânica Charlotte Rampling como presidente do júri, que ainda conta com a presença de George Clooney para apresentar, fora da mostra competitiva, Syriana, de Steve Gaghan. O filme L´ivresse du pouvoir, do francês Claude Chabrol, trará Isabelle Huppert no papel de uma juíza incorruptível. Já o americano Robert Altman apresentará a comédia A Prairie Home Companion, com Meryl Streep, Woody Harrelson e Kevin Kline nos papéis principais. O argentino Rodrigo Moreno, membro do grupo de diretores El Descanso, apresenta sua primeira obra individual, El custodio, uma co-produção da Argentina, da Espanha e da Alemanha que fala dos dilemas internos e pressões de uma guarda-costas. O Festival de Berlim terá o britânico Michael Winterbottom novamente entre os competidores. Em 2002, ele levou o Urso de Ouro por seu impactante Neste mundo, e agora voltará ao evento com The Road to Guantanamo, sobre dois muçulmanos britânicos confinados na prisão americana em Cuba. O cinema iraniano estará duplamente representado. Além de Panahis, Rafi Pitts mostrará Zemestan. Do cinema asiático, estarão o chinês Isabella, de Pang Ho-cheung, e o tailandês-coreano Invisible Waves, de Pen-ek Ratanaruang. O cinema anfitrião exibirá Partículas elementares(Elementarteilchen), de Oskar Roehlers, baseado em um romance do francês Michel Houellebecq. Completam o panorama de cinema alemão Réquiem, de Hans Christian Schmidt; Os medíocres (Die Mediocren), de Matthias Glasner, e Mein Stern, de Valeska Grisebahc. O italiano Michele Placido concorrerá com Romanzo criminale, o austríaco Michael Glawogger está na disputa com Slumming, e a escandinava Pernille Fischer Christensen apresentará seu filme de estréia, En Soap. A rodada de filmes da mostra competitiva termina com Candy, do australiano Neil Armfield, e o croata Grbavica, de Jasmila Zbanic. Fora de disputa serão exibidos, além do filme de Clooney, Capote, de Bennet Miller; The New World, de Terrence Malick; The Science of Sleep, do francês Michel Gondry; e o chinês Wuji,de Chen Kaige.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.