Publicidade

Terceiro homem mais rico do mundo compra clássico bistrô francês fundado há um século

Bernard Arnault está atrás apenas de Elon Musk e Jeff Bezos na lista de pessoas mais ricas do mundo

Foto do author Clayton Freitas
Atualização:

O grupo LVMH, que detém as marcas de luxo tais como a Louis Vuitton e Möet et Chandon, e é controlado por Bernard Arnault, terceiro bilionário mais rico do mundo, anunciou a participação majoritária de um famoso restaurante francês chamado Chez L’Ami Louis, fundado em 1924 em Paris.

PUBLICIDADE

O anúncio foi feito por meio de um comunicado do conglomerado. O texto diz que o bistrô irá se juntar à divisão Hospitality Excellence da LVMH. A divisão conta com empreendimentos como o Cheval Blanc Paris, um hotel cinco estrelas de 72 quartos que também fica na capital francesa.

Dados da Forbes indicam que Arnault possui uma fortuna de US$ 194,2 bilhões, ficando atrás apenas de Jeff Bezos (US$ 206,3 bilhões), e Elon Musk, o líder entre os bilionários no mundo com US$ 213,1 bilhões de patrimônio.

Restaurante francês Chez L’Ami Louis, em Paris, foi adquirido pelo grupo LVMH, que detém as marcas de luxo tais como a Louis Vuitton e Möet et Chandon, e é controlado por Bernard Arnault, terceiro bilionário mais rico do mundo Foto: Chez L’Ami Louis Via Instagram

“Joia parisiense”

Segundo uma reportagem da CNN sobre a compra do bistrô, à qual a emissora se referiu como sendo uma “joia parisiense”, uma pessoa próxima a Arnault disse que o bilionário é apaixonado por preservar partes da “identidade e expressão” cultural de Paris.

“A LVMH trabalhará para preservar o caráter único e a identidade familiar do restaurante e continuará a apoiar seu savoir-faire e expertise franceses”, informa o comunicado da empresa. O tamanho da participação da LVMH no negócio não foi informado.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.