PUBLICIDADE

Publicidade

EUA impõem tarifa sobre vergalhões de aço do Brasil

Por Agencia Estado
Atualização:

Os EUA vão impor tarifas anti-dumping e compensatórias sobre vergalhões, um tipo de cabo de aço usado para reforçar concreto, produzidos por empresas do Brasil, Índia, Coréia do Sul, México e Tailândia. A medida se segue à decisão da Comissão de Comércio Internacional dos EUA, segundo a qual os produtores norte-americanos de vergalhões estão sendo prejudicados pelo produto exportado pelos cinco países citados. A decisão significa que o governo dos EUA vai impor tarifas anti-dumping que vão de 118,75% sobre as importações de vergalhão do Brasil a 12,99% às importações da Tailândia. Os produtores mexicanos enfrentarão tarifas de 62,78% e 77,2%, enquanto as empresas da Coréia do Sul serão submetidas a tarifas entre 35,64% a 54,19%. Além das tarifas anti-dumping de 83,65% a 102,07%, os exportadores indianos terão de pagar uma tarifa adicional de 62,92% para contrabalançar subsídios governamentais. O Departamento do Comércio havia fixado estas margens em 2 de dezembro de 2003, ao reiterar uma decisão segundo a qual os cinco países praticam dumping. As empresas norte-americanas American Spring Wire Corp, de Ohio, Insteel Wire Products Company, da Carolina do Norte, e Sumiden Wire Products Corp, do Tennesse, haviam aberto uma queixa a respeito há um ano. Segundo o Departamento do Comércio, o valor das importações de vergalhões de aço dos cinco países cresceu para US$ 35.350.006 em 2002 de US$ 27.530.657 em 2000. As informações são da agência Dow Jones.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.