PUBLICIDADE

EXCLUSIVO PARA ASSINANTES
Foto do(a) coluna

Professor de Finanças da FGV-SP

Quais os melhores lugares do mundo para ficar milionário?

Certos locais podem criar oportunidades, mas que fique bem claro que quem quer ser milionário tem que transformar a vontade em um objetivo muito firme e dedicar-se para construir sua riqueza

PUBLICIDADE

Foto do author Fabio Gallo

Sonhar em ficar milionário é a utopia das pessoas. Afinal quem não quer entrar nesse clube? Mas, isso realmente é para poucos. Segundo artigo da Kiplinger, a probabilidade de uma pessoa ficar rica nos Estados Unidos é de apenas 6,4%. Mas, para os brasileiros isso é ainda mais difícil, estima-se que uma pessoa para ficar com o “burro na sombra” aqui no nosso País as chances são de 0,3% a 1,0%.

PUBLICIDADE

Essa diferença entre os países é influenciada por vários fatores, como disparidade econômica, o acesso a oportunidades de investimento e educação financeira. No entanto, lá como aqui, o número de milionários tem crescido. Nos Estados Unidos, o número de famílias com patrimônio de pelo menos US$ 1 milhão ou mais aumentou ao longo da última década, segundo relatório da Statista, de fevereiro último.

Em 2022, havia mais de 22,7 milhões de pessoas nessa condição de riqueza. Quase 111.000 indivíduos tinham ativos líquidos de pelo menos US$ 50 milhões. Dados sobre o Brasil mostram que neste ano temos perto de 266 mil milionários, destacando-se como um dos países emergentes com rápido crescimento econômico e desenvolvimento de riqueza.

Na Europa, o número de milionários varia entre os países. Em 2023, o Reino Unido possuía cerca de 2,8 milhões de milionários, seguido pela França com um número semelhante, a Alemanha tinha aproximadamente 2,7 milhões. A China tem 6,2 milhões e Japão com 3,4 milhões.

Pesquisas indicam que cidades como Tóquio, Londres, Cingapura, Sydney, Zurique, Riad e Lisboa criam oportunidades que podem ajudar na busca da riqueza Foto: Yuichi Yamazaki/AFP

Por outro lado, o relatório da Casino.org que traz que certas cidades norte-americanas são melhores que outras para a conquista da carteirinha de milionário. Nessa lista estão cidades como São Francisco, São José, Boston, Los Angeles, Fort Worth, Austin, Dallas entre outros locais. Outras pesquisas indicam que cidades ao redor no mundo que, também, criam oportunidades, como Tóquio, Londres, Cingapura, Sydney, Zurique, Riad, Lisboa e diversas outras que podem ajudar na busca da riqueza.

Publicidade

Certos locais podem criar oportunidades, mas bem claro que quem quer ser milionário tem que transformar essa vontade em um objetivo muito firme e dedicar-se para construir a sua riqueza. Diferentemente do que muitos pensam, a maioria dos milionários não teve pai rico e recebeu herança. Apenas um em cada cinco milionários recebeu dinheiro de um fundo fiduciário ou de um patrimônio.

Segundo a amostragem da Ramsey Solutions, 93% dos milionários americanos afirmaram que enriqueceram trabalhando arduamente e evitando dívidas. Para não se perder na busca da riqueza, vale lembrar das palavras do Papa Francisco na Evangelii Gaudium: “A adoração do antigo bezerro de ouro encontrou uma nova e impiedosa versão no fetichismo do dinheiro e na ditadura de uma economia sem um rosto e sem um objetivo verdadeiramente humano”.

Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.