PUBLICIDADE

Publicidade

IR 2023: cuidados ao declarar Imposto de Renda pela primeira vez

‘Estadão’ conversou com especialista para verificar os principais pontos para o contribuinte ficar atento

Foto do author Felipe Siqueira

Declarar o Imposto de Renda Pessoa Física pela primeira vez pode intimidar um pouco o contribuinte por conta do ineditismo. Mas o processo é simples, na maioria das vezes, e pode ser ainda mais facilitado, seguindo algumas dicas de especialistas.

Pensando nisso, o Estadão conversou com a sócia da área de impostos da KPMG Janine Goulart, que elencou os cinco principais cuidados e pontos de atenção que o “declarante de primeira viagem” precisa ter. Vamos a eles.

  1. Verifique as obrigatoriedades. É importante passar por todos os tópicos, para saber se não tem algo por ali que torne mandatória a prestação de contas ao Fisco.
  2. Passe por todas as fichas no PGD, o Programa Gerador de Declaração, da Receita Federal. Isso vai servir para ter certeza que preencheu tudo que precisava, como cadastro, endereço, dependentes, rendimentos, entre outros itens.
  3. É imprescindível coletar informações o mais rapidamente possível. No ato da declaração, pode ser que o contribuinte perceba que algo está faltando. Se reunir os documentos o quanto antes, terá mais tempo para providenciar o que for necessário.
  4. Consultar um especialista sempre que tiver duvida, inclusive a própria Receita - que possui guias e informações no site, como o Perguntão.
  5. Manter a calma e prestar muita atenção, para preencher tudo de maneira correta
Site da Receita Federal  Foto: Werther Santana

Quem tem de declarar IR?

PUBLICIDADE

Pessoas que receberam rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2022 vão precisar apresentar a prestação de contas ao Fisco. Nesta categoria se encaixa, por exemplo, o salário recebido por profissional que atua sob regime de CLT.

E é sempre importante lembrar dois pontos: os rendimentos tributáveis fazem parte apenas de um dos itens que obrigam à entrega de IR, o que significa que é importante olhar todos, para que não haja risco de erro; e os dados a serem preenchidos neste ano são referentes ao ano-calendário - ou ano-base - 2022. Para conferir os outros sete itens que obrigam a prestação de contas ao Fisco clique aqui.

Confira o calendário de restituição do IR de 2023

  • 1˚ lote: 31 de maio
  • 2˚ lote: 30 de junho
  • 3˚ lote: 31 de julho
  • 4˚ lote: 31 de agosto
  • 5˚ lote: 29 de setembro
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.