PUBLICIDADE

Presidente ucraniano se irrita com preparativos da Euro 2012

Viktor Yushchenko reclama da 'falta de seriedade' demonstrada pelo comitê organizador da competição

PUBLICIDADE

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

O presidente da Ucrânia, Viktor Yushchenko, expressou nesta terça-feira seu descontentamento com o andamento dos preparativos à realização da Eurocopa de 2012.   "O comitê responsável pelos preparativos ainda não demonstrou à sociedade que sua atitude é séria", comentou Yushchenko durante uma reunião do Conselho de Segurança e Defesa Nacional da Ucrânia.   No último dia 18 de abril, Ucrânia e Polônia foram anunciadas como sede conjunta da Eurocopa de 2012, batendo a Itália e outra candidatura dupla, de Croácia e Hungria.   Porém, a Fifa ameaçou proibir a realização de partidas oficiais internacionais no Estádio Olímpico de Kiev, sede da final da Eurocopa, se a segurança dos torcedores não for garantida.   As autoridades do futebol internacional são contra a construção de um shopping em frente ao estádio, pois alegam que influenciaria na ordem pública no interior do estádio.   Construído em 1983 e submetido a várias remodelações, o Olímpico é considerado um dos melhores estádios da leste europeu, pois conta com sistema de calefação e capacidade para 83.000 espectadores.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.