PUBLICIDADE

Última nas Eliminatórias, Venezuela demite técnico e contrata ex-goleiro Dudamel

Última colocada nas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo, a seleção da Venezuela sofreu uma grande mudança em sua comissão técnica nesta sexta-feira. A Federação de Futebol da Venezuela demitiu o treinador Noel Sanvicente e anunciou o ex-goleiro Rafael Dudamel como seu substituto.

PUBLICIDADE

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

O ex-jogador da seleção, de 43 anos, tem pouca experiência como treinador. Comandou o Estudiantes de Mérida e o time sub-17 da seleção antes de aceitar o cargo na equipe principal.

PUBLICIDADE

Presidente da federação, Laureano Gonzalez afirmou que optou pelo ex-goleiro porque a entidade sofre com dificuldades financeiras. Segundo o dirigente, a patrocinadora PDVSA, estatal de petróleo da Venezuela, não vem contribuindo com a federação nos últimos meses, o que impede a seleção de contratar um treinador de renome.

Noel Sanvicente foi demitido em razão da fraca campanha da Venezuela nestas Eliminatórias. Ainda sem vencer, a equipe obteve apenas um ponto em seis jogos disputados. É a última colocada da tabela, com cada vez menos chances de brigar por uma vaga no Mundial da Rússia, em 2018.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.