PUBLICIDADE

Serginho vence Pé de Chumbo e fica com a última vaga dos médios no TUF

Em um duelo presenciado por Anderson Silva entre dois campeões mundiais de jiu-jitsu, Serginho Moraes demonstrou tranquilidade no octagon e finalizou Delson Pé de Chumbo com um mata-leão no nono episódio do The Ultime Fighter (TUF) Brasil.

PUBLICIDADE

Por fabiolopes
Atualização:
 Foto: Estadão

O confronto não passou do primeiro round. Mais experiente no MMA, Pé de Chumbo mostrou desenvoltura na luta em pé, porém isso não foi suficiente. Serginho resistiu bem e aproveitou a oportunidade para derrubar o adversário.

PUBLICIDADE

No chão, Pé de Chumbo não resistiu ao jogo de Serginho, que pegou as costas e insistiu até conseguir encaixar um mata-leão, decretando o final do combate.

Enquanto o vencedor comemorava, Pé de Chumbo ficou muito abalado. "Perdi minha chance, mestre. Acabou para mim", disse o atleta para Wand.

Serginho ficou com a última vaga das semifinais na categoria médio do programa. Os outros classificados são Thiago Bodão, Cezar Mutante e Daniel Sarafian.

Troca de equipes

Publicidade

Com apenas uma vitória, o time de Wanderlei Silva presenciou a sétima conquista no TUF de Vitor Belfort, que no final do programa teve que transferir três lutadores de sua equipe para o adversário, equilibrando novamente a disputa. 

Além do pena Godofredo Pepey, Vitor mandou os médios Serginho e Bodão para a equipe de Wand, que por sua vez teve que liberar para o adversário o pena Marcus Vina e os médios Pé de Chumbo e Renée Forte.

Anderson Silva

O episódio do TUF ainda registrou a visita de Anderson Silva. O campeão do UFC ignorou a presença dos atletas do time de Vitor Belfort e foi dar apoio e treinar com os lutadores da equipe de Wand.

Velhos companheiros da época de Chute Boxe, Anderson falou com Rafael Cordeiro e deu conselhos para Wand sobre como vencer Vitor. "Você não pode andar para trás".

Publicidade

A definição dos confrontos das semifinais ficou para o próximo episódio do TUF. Além dos médios, estão classificados os penas Rony Jason, Godofredo Pepey, Rodrigo Damm e Hugo Wolverine.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.