Infográficos

Após 10 anos, BRICS vive dilema: como continuar relevante?

O Brasil recebe, nesta semana, os líderes mundiais mais importantes que pisarão em solo brasileiro neste ano: Xi Jinping, da China, Vladimir Putin, da Rússia, Narendra Modi, da Índia, e Cyril Ramaphosa, da África do Sul. Ao lado do presidente Jair Bolsonaro, eles compõem o BRICS - o grupo dos países emergentes - e estarão em Brasília no momento que o bloco completa 11 anos e vive uma encruzilhada: como continuar relevante?

Paulo Beraldo e Vinicius Passarelli

11 de novembro de 2019 | 12h00

Mais conteúdo sobre:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.