Mulher desaparece no Rio Tapajós

Passageira não identificada estava a bordo do barco Amazon Green

Ricardo Valota, do estadão.com.br

17 de julho de 2010 | 04h00

Uma mulher, não identificada, desapareceu durante uma tempestade no rio Tapajós. Ela estava em um barco com 27 turistas, sendo 20 estrangeiros, que virou, no início da tarde de sexta-feira, 16. A mulher seria a única que não sobreviveu ao naufrágio, segundo os bombeiros.

 

Os militares da Capitania informam que a passageira deve ter ficado presa no camarote do Amazon, embarcação particular que saiu de Santarém e seguia para Itaituba, no sudoeste do Pará.

 

Equipes de resgate da Delegacia Fluvial e do Corpo de Bombeiros do Pará seguiram para a região, mas só conseguiram chegar ao local do acidente já no inicio da noite. As buscas serão reiniciadas somente na manhã deste sábado (17).

 

O Amazon Green, feito de madeira, teria batido contra um banco de areia durante uma tempestade, num trecho onde a profundidade, segundo a Capitania dos Portos de Santarém, chega a 15 metros.

 

Vários passageiros foram pegos durante a viagem nas cidades pelas quais o Amazon Green já havia passado. Os turistas utilizam o barco para conhecer o rio Tapajós e o encontro das águas dele com as do Amazonas.

Tudo o que sabemos sobre:
Rio TapajósPará

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.