Seis morrem e 14 ficam feridos em desabamento de obra no Pará

Vinte vítimas eram funcionários terceirizados contratados para construir plataforma que desabou

Julia Baptista, da Central de Notícias,

05 de julho de 2010 | 22h18

SÃO PAULO-Seis pessoas morreram e catorze ficaram feridas no desabamento de uma plataforma, por volta das 14h30 desta segunda-feira, 5, em uma fábrica de cimento próxima a Itaituba, a 1.626 km de Belém (PA). Os feridos foram levados para o Hospital Municipal e foram transferidos, de avião, para Santarém, localizada a 1.520 km de Belém (PA).

 

Segundo o Corpo de Bombeiros, as vinte vítimas eram funcionários terceirizados de uma empresa de engenharia contratada pela fabricante de cimento Itacimpasa, localizada a 32 km de Itaituba, para construir a plataforma. Os bombeiros não souberam informar o nome da empresa terceirizada.

 

Os trabalhadores estavam em cima da plataforma, que desabou de uma altura de 50 metros. De acordo com os bombeiros, a obra, que começou ontem, havia apresentado problemas na manhã de hoje. Um funcionário teria avisado o engenheiro responsável que ouviu estalos na construção, mas o engenheiro teria ignorado o aviso e mandado seguir os trabalhos.

 

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
desabamentoobraParáItaituba

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.