L. Adolfo/AE - 8/5/2008
L. Adolfo/AE - 8/5/2008

15.ª Feicorte começa dia 16, na capital, com 4 mil animais

Maior evento indoor da América Latina do setor de pecuária de corte terá o tradicional congresso e 15 leilões

Fernanda Yoneya, O Estado de S.Paulo

10 Junho 2009 | 03h00

Começa na semana que vem, no dia 16, e prossegue até o dia 20, no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo (SP), a 15ª Feira Internacional da Cadeia Produtiva da Carne (Feicorte), o maior evento indoor do setor da América Latina. Com foco na difusão de informações técnicas e na geração de negócios, a feira terá 200 expositores, dos segmentos de nutrição animal, genética, produtos veterinários, adubos, sementes, defensivos agrícolas, máquinas e equipamentos, implementos agrícolas, frigoríficos, órgãos de pesquisa, além de bancos e seguradoras. A expectativa do Agrocentro, responsável pela organização do evento, é receber 20 mil visitantes.

Este ano, a Feicorte vai reunir 4 mil animais, entre bovinos, ovinos e caprinos. Os bovinos serão representados por 18 raças - brahman, santa gertrudis, sindi, tabapuã, canchim, limousin, simental, nelore, simbrasil, angus, bonsmara, caracu, senepol, wagyu, guzerá, brangus, hereford e braford. Haverá ovinos das raças dorper, white dorper, santa inês e texel e caprinos boer e anglonubianos.

SUSTENTABILIDADE

Destaque da feira, o Congresso Internacional Feicorte, dias 17 e 18, vai discutir formas de integração para elevar a rentabilidade e garantir a sustentabilidade do negócio, dos pontos de vista econômico, ambiental e social. "Além da integração lavoura, pecuária e floresta, vamos falar da integração entre produção, gestão financeira e administração rural, da integração do produtor com o setor de insumos e com a indústria, e da integração patrimonial, que envolve produtividade, valor da terra e sucessão familiar", adianta o consultor Francisco Vila.

Segundo ele, esses aspectos são vistos de maneira isolada pelo produtor, mas o ideal, para ter uma produção sustentável, é integrá-los. "Este ano o congresso não vai tratar de temas avulsos. Serão assuntos interligados, discutidos de forma aprofundada, até para os participantes incorporarem melhor os conceitos", diz Vila. "Ganhar dinheiro de maneira sustentável é resultado de boa gestão."

Para o consultor, a pecuária brasileira é tradicional e, para se modernizar, precisa ter a rentabilidade como foco.

PROGRAMAÇÃO

Além do congresso, a programação da feira já tem 15 leilões confirmados. De 16 a 20, ocorrem os julgamentos de animais. O Fórum Tecnologia, sustentabilidade e retorno econômico será dia 19.

Dois cursos de julgamentos de animais estão marcados. De 18 a 20, a Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ) promove o 3º curso de julgamento de raças zebuínas e a Associação Paulista de Criadores de Ovinos (Aspaco) realiza curso de julgamento de ovinos dias 16 e 17.

De 16 a 19, haverá palestras gratuitas sobre boas práticas de produção para tratadores e, dia 18, o ex-ministro da Agricultura, Pratini de Moraes, falará sobre os rumos da cadeia produtiva da carne.

AGENDA

16/6: Leilão São Paulo Team; 1.º Leilão Nova Geração HB

17/6: Leilão Excelência Brahman; 4.º Leilão Prime Angus;

1.º Leilão Nova Geração HB; 3.º Leilão Wagyu Brasil

18/6: Leilão Canchim/Santa Gertrudis; Leilão Nelore Top 10%; Leilão Nelore S/A; Simental de Coração

19/6: Leilão Evolução Simbrasil; Leilão Amigos Criadores; Leilão Premium Simental; Modelos Guzerá; 4.º Leilão Parceiros do Senepol

 

INFORMAÇÕES:

Site: www.feicorte.com.br

Mais conteúdo sobre:
AgrícolaFeicorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.