40 cidades no exterior farão manifestações

Brasileiros que vivem em ao menos 40 cidades no exterior estão organizando manifestações em apoio aos protestos que começaram em São Paulo há duas semanas e já repercutem não só no Brasil, mas no mundo. As mobilizações estão sendo organizadas nas redes sociais e reúnem milhares de pessoas.

FERNANDA BASSETTE, Agência Estado

18 de junho de 2013 | 09h04

Há previsão de manifestos de apoio a partir de quarta-feira, 19, até o final de semana em várias cidades como Barcelona (Espanha), Bolonha (Itália), Boston (Estados Unidos), Brisbane (Austrália), Bruxelas (Bélgica), Buenos Aires (Argentina), Haia (Holanda), Londres (Reino Unido), Toronto (Canadá), etc.

Na imprensa

O jornal espanhol El País traz fotos das manifestações e um artigo em que diz que "está gerando perplexidade, dentro e fora do país, a crise criada repentinamente por causa dos protestos em São Paulo e no Rio".

Já o francês Le Monde publicou matéria dizendo que o governo brasileiro não iria permitir que os protestos perturbassem a Copa das Confederações e lembra que no sábado,14, a polícia reprimiu com bombas de gás lacrimogêneo uma "manifestação pacífica" que acontecia do lado de fora do estádio Mané Garrincha, em Brasília, e que a mesma cena se repetiu no domingo, no Maracanã, no Rio. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
protestosexterior

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.