A fome insaciável dos franceses pelas frutas vermelhas

Os primeiros morangos chegam às prateleiras em maio. A fruta, em seus 27 tipos, ainda é uma das mais utilizadas em sobremesas na França. A demanda é tão grande que o pâtissier Frédéric Cassel, eleito o melhor da França em 2007, precisa importar morangos do Chile para satisfazer sua clientela em dezembro, no inverno. O mesmo vale para as cerejas. Menos ácidas, elas possibilitam, segundo Cassel, um casamento perfeito com ingredientes como pistache, amêndoas, mascarpone e, claro, chocolate. Escolher as frutas exige técnica. Os morangos menores, menos vistosos, são os mais saborosos. Cerejas grandes demais, com pontos amarelados, são duras e azedas. E as framboesas? Ácidas, são ideais para compotas e geléias. ''É um pouco psicológico: a cor vermelha ativa os sentidos. A gente tem a impressão de que essas frutas têm um gosto incrível, o que às vezes não é verdade'', explica Cassel. As frutas vermelhas combinam também com pratos salgados. Por exemplo, com a carne de porco, já que a acidez delas ajuda a amaciá-la. FRÉDÉRIC CASSEL Claufoutis de cereja 6 porções 45 minutos Ingredientes 100g de farinha; 400g de cerejas; 6 ovos; 90g de açúcar; 125 ml de leite; 125g de creme de leite fresco; 30g de farinha de amêndoas; 10g de manteiga (para untar); açúcar de confeiteiro para decorar Preparo Preaqueça o forno a 180°C. Unte seis ramequins ou uma fôrma grande com manteiga e distribua as cerejas sem os caroços. Misture o açúcar, a farinha e a farinha de amêndoa. Incorpore os ovos um a um, até formar uma massa homogênea. Acrescente o leite e o creme de leite fresco. Cubra as cerejas com a massa e leve ao forno por 25 minutos. Quando o clafoutis esfriar, finalize com o açúcar de confeiteiro polvilhado (com a ajuda de uma peneira) e decore com as cerejas com caroço.

Taissa Stivanin, O Estado de S.Paulo

10 Julho 2008 | 02h59

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.