Abertis e fundo fazem acordo por ativos da OHL no Brasil

A operadora espanhola de rodovias Abertis anunciou nesta segunda-feira uma parceria com o fundo norte-americano Brookfield Infrastructure para assumir a controladora da gestora de estradas OHL Brasil, que pode passar por uma OPA.

Reuters

06 de agosto de 2012 | 09h03

Quando a operação estiver concluída, o Grupo OHL terá uma participação de 15 por cento na Abertis, ante os 5 por cento atuais, segundo comunicado da OHL Brasil nesta segunda-feira.

"A Abertis manifestou entendimento à OHL Brasil que, de acordo com a legislação brasileira (...), a atual estrutura da operação poderá acarretar (...) uma oferta pública de aquisição das ações da companhia", afirmou o braço brasileiro da OHL.

A Abertis está esperando os reguladores brasileiros decidirem se a companhia terá que fazer uma oferta para comprar a participação remanascente da OHL Brasil, seguindo com o acordo.

Como parte do acordo, a Abertis ficará com 51 por cento da Partícipes en Brasil, que controla 60 por cento da OHL Brasil, enquanto a Brookfield ficará com os 49 por cento restantes, segundo a Abertis.

A OHL Brasil é o braço da operadora espanhola de rodovias OHL e administra mais de 3,2 mil quilômetros de estradas localizadas nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Paraná.

A Abertis pagará à OHL 10 por cento de suas próprias ações, 10,7 milhões de euros (13,2 milhões de dólares) e assumirá 504 milhões de euros em dívidas da OHL Brasil pela fatia na Partícipes.

A companhia espanhola não deu detalhes do que a Brookfield pagará por sua parcela na Partícipes, e uma porta-voz se negou a comentar o assunto.

(Por Paul Day)

Mais conteúdo sobre:
TRANSPORTESOHLBRASILLEGAL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.