Acadêmicos do Tatuapé cobre o Anhembi de dourado

"Ouro, símbolo da riqueza e da ambição" é o samba-enredo que embala o desfile do Grêmio Recreativo Escola de Samba Acadêmicos do Tatuapé, quinta escola a entrar no Anhembi no segundo dia de desfiles. A agremiação conta a história deste metal precioso e suas diversas representações.

MARCIA CRISTINA DA SILVA, Estadão Conteúdo

15 Fevereiro 2015 | 04h01

A escola da zona leste de São Paulo vai fazer um passeio pela história, abordando desde a descoberta até as ostentações e conquistas nos dias de hoje (bodas de ouro, disco de ouro, troféu Oscar, bola de ouro, Palma de ouro, medalha de ouro). Os contos infantis também serão lembrados, como Tio Patinhas e a Galinha dos Ovos de Ouro.

Cerca de 3 mil integrantes, divididos em quatro setores e 19 alas, vão cobrir de dourado a passarela do samba. Gil Jung é a rainha de bateria, que vai representar os ritmistas comandados pelo mestre Higor. A corte da bateria tem ainda a musa Thainá Souza, a madrinha Viviane Ridrigues, a 1ª princesa Cris Aguiar e até um rei, Daniel Manzioni. O carnavalesco é Mauro Xuxa.

Em 2012, a escola foi vice-campeã do Grupo de Acesso com o enredo "Da arte do samba, nasci para comunidade, defesa e essência sou guerreira, sou Leci Brandão", uma homenagem à madrinha da escola. A melhor colocação da agremiação no Grupo Especial foi em 2014, quando ficou em 6º lugar com um enredo sobre São Jorge guerreiro.

Confira o samba-enredo da Acadêmicos do Tatuapé:

A luz da poesia

Clareia o meu caminhar

Dourado, metal precioso

No Egito eu vi brilhar

Na mitologia num toque refletiu

Seu brilho que ao mundo seduziu

Pureza nas antigas civilizações

Nobreza coroando as nações

No meu Brasil, é arte, luxo e ambição

Com chico rei ....libertação

Força, fé e adoração

Ora iê iê ô.....

Ora iê iê....oxum

Senhora do ouro de toda riqueza

Ora iê iê...oxum

Ouvi...

Lendas do folclore popular

Quanta alegria em cada olhar

Piratas em busca do ouro

Mil tesouros, encantos infantis

São prêmios, conquistas e glórias

É ouro...

Quero a vitória e medalhas meu povo

Na força da nossa união

O sonho de gritar é campeão

Hoje o povo vai cantar....feliz

Minha vida meu lugar..... Minha raiz

Tatuapé o meu maior tesouro

Gira meu pavilhão ...é ouro

Mais conteúdo sobre:
carnavalAcadêmicos do Tatuapé

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.