Acidente de barco no rio Amazonas deixa ao menos 9 mortos

Um barco de madeira com 111pessoas a bordo afundou após colidir com uma balsa de carga norio Amazonas, nesta quinta-feira, deixando pelo menos 9 mortose 10 desaparecidos, informou o Corpo de Bombeiros. O barco Almirante Monteiro partiu na quarta-feira da cidadede Alenquer, no Pará, e viajava para Manaus, capital doAmazonas, quando bateu em outra embarcação na altura domunicípio de Itacoatiara (AM), disse um oficial dos bombeiros àReuters por telefone. "Nesse momento, temos 92 pessoas resgatadas e 9 óbitosconfirmados", disse o tenente Clóvis Araújo por telefone, deManaus. "Vamos continuar as buscas até encontrar as vítimas." A assessoria de imprensa do Corpo de Bombeiros informou que111 pessoas estavam no barco, segundo uma lista de passageirose tripulantes, e que 10 delas estão desaparecidas. O AlmiranteMonteiro tinha capacidade para 165 pessoas. Mergulhadores do Corpo de Bombeiros e da Marinha realizamoperação de busca no local, com auxílio de um helicóptero doExército e de agentes de polícia. O município de Itacoatiara fica a 204 quilômetros fluviaisde Manaus, e a 286 quilômetros por rodovia. O tenente disse queo Corpo de Bombeiros foi informado do acidente por volta de1h30 da madrugada, cerca de 30 minutos após o horário dochoque. Sete mergulhadores do Corpo de Bombeiros e dois da Marinhafazem parte da operação de busca nas águas do rio Amazonas. O barco afundou após ter batido em uma balsa de transportede combustível, que teria deixado o local do acidente semprestar socorro, segundo o Corpo de Bombeiros. Uma embarcação da Polícia Militar que passava pelo localfoi responsável pelo resgate inicial das vítimas, ainda deacordo com os bombeiros. Entre os mortos confirmados estão quatro crianças, quatromulheres e um homem, de acordo com o tenente. Ele afirmou aindaque não há, por enquanto, informações sobre a causa doacidente. (Reportagem de Pedro Fonseca)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.