Acidente deixa um morto e 36 feridos em Rio Claro

Um motorista de ônibus morreu e 36 pessoas ficaram feridas, entre elas uma criança, em uma colisão envolvendo quatro veículos, na Rodovia Antônio Pedreira, em Rio Claro, no interior de São Paulo, no fim da tarde de ontem.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agência Estado

15 Março 2012 | 09h16

O acidente aconteceu por volta das 18h30, no bairro Bonsucesso, periferia da cidade. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, um ônibus que transportava trabalhadores de uma indústria de cerâmica na estrada vicinal que liga Rio Claro a Ipeúna entrava na cidade quando foi atingido por um ônibus escolar, com 37 crianças.

De acordo com os bombeiros, um caminhão que trafegava no sentido contrário ao ônibus de trabalhadores diminuiu a velocidade para entrar em uma fábrica no local. Uma Belina, que vinha atrás, também reduziu. O ônibus escolar que seguia atrás do veículo, para não bater na traseira do carro, desviou para a outra pista, batendo de frente com o ônibus.

O motorista do ônibus de trabalhadores, Jonas Cândido, de 43 anos, ficou preso às ferragens e morreu no local. O outro motorista foi internado e passou por cirurgia na manhã de hoje. No total, 36 pessoas ficaram feridas, entre elas duas gravemente, que são o motorista do ônibus e uma criança. Vinte e uma pessoas tiveram ferimentos leves e foram levadas para a Santa Casa e outras 15 para hospitais da região. Após serem medicados, todos foram liberados.

Por conta do acidente, um grupo de moradores da região interditou o trecho da via e queimaram pneus. Segundo os bombeiros, os motoristas abusam da velocidade no local, que é uma descida muito íngreme. A rodovia ficou fechada até por volta das 22 horas, segundo os bombeiros.

Mais conteúdo sobre:
estradas acidente Rio Claro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.