Adolescente é a 15ª vítima da gripe aviária na Tailândia

O Ministério da Saúde da Tailândia confirmou nesta quarta-feira a morte de um adolescente por causa da gripe aviária, elevando o número de mortes pela doença no país para 15. A Organização Mundial da Saúde ainda não confirmou o caso.Porta-vozes do Ministério informaram que a vítima é um rapaz de 16 anos que morreu na segunda-feira na província de Phichit, 300 quilômetros ao norte de Bangcoc.É a primeira morte pelo vírus H5N1 registrada na Tailândia em sete meses, pouco depois do registro de cinco possíveis casos de contágio após a ingestão de carne de pomba.Sete províncias foram declaradas "zonas vermelhas" ou áreas com o alto risco de infecção na Tailândia, um grande exportador de frango processado.Cerca de 63 milhões de aves de granja foram sacrificadas para tentar erradicar a gripe aviária. Desde novembro do ano passado o país produz sua própria versão do antiviral Tamiflu.A Tailândia confirmou 22 casos de pessoas infectadas pelo vírus H5N1, das quais 15 morreram. O número de mortes ainda é menor que nos vizinhos Vietnã e Indonésia, que lideram a lista mundial, com 42 cada um.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.