Adriano pisa na lâmpada e desfalca Fla

Artilheiro queimou o pé e está fora do clássico com o Corinthians

Leonardo Maia, RIO, O Estadao de S.Paulo

28 de novembro de 2009 | 00h00

No meio do caminho do título do Flamengo há uma bolha. Adriano está fora do clássico com o Corinthians, depois de sofrer queimadura forte no calcanhar esquerdo. Uma reunião entre o médico José Luis Runco, o técnico Andrade e o jogador definiu que não seguiria com o grupo para São Paulo.

"É algo muito desagradável, ainda mais em um momento como este, reta decisiva. Estou muito triste", disse Adriano.

O artilheiro do campeonato diz que sofreu acidente doméstico. Ele encostou o pé numa lâmpada acesa no jardim de casa. A queimadura em seguida se transformou numa grande bolha. Adriano rebateu insinuações de que teria se machucado no escapamento de uma moto.

"Quando acontece algo com o Adriano sempre ganha repercussão maior", comentou o astro, referindo-se a si na terceira pessoa. "Sei que vão falar muitas coisas, mas estou com a consciência tranquila. É só olhar e dizer se isso foi causado numa moto. Quero ver provar."

O doutor Runco disse que a queimadura provocou processo infeccioso e que, após exame, chegou à conclusão de que não estaria curada em tempo para o jogo.

A ausência de Adriano preocupa os colegas. A prova maior veio de Toró, que reagiu de forma enérgica, quando lhe perguntaram como o time jogaria sem o centroavante. "Está louco, está doido!", exclamou. "A gente carrega ele no colo para onde for, mas tem de jogar."

Adriano, porém, promete ser mais um torcedor do Flamengo atento ao que vai acontecer dentro de campo. Ele prometeu viajar com o grupo e ficar nas tribunas do Brinco de Ouro.

Sem seu goleador, o técnico Andrade adiantou que vai lançar Bruno Mezenga ao lado de Zé Roberto no ataque. "É lamentável, mas somos um grupo", resignou-se o treinador. "Quem sabe o Bruno não vira o herói do jogo. Confio na vitória."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.