Advogada da mãe de Isabella será assistente de acusação

Para Cristina Christo Leite, não existe erro na decisão do juiz para que defesa dos Nardoni peça anulação

Camila Tuchlinski, especial para Agência Estado

12 de maio de 2008 | 18h02

A advogada Cristina Christo Leite, que representa Ana Carolina Oliveira, mãe de Isabella Nardoni, afirmou nesta segunda-feira, 12, que será assistente de acusação no processo que investiga o assassinato da menina, ocorrido em 29 de março. Segundo a advogada, ela pretende acompanhar o interrogatório de Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá, pai e madrasta de Isabella, que estão presos sob a denúncia de serem autores do homicídio.   Veja também: Delegado pede que pai de Isabella seja transferido Juiz deve decidir sobre habeas-corpus de pai e madrasta na 3ª Audiência da entrevista da mãe de Isabella não supera a do casal Imagens da prisão do casal  Fotos do apartamento onde ocorreu o crime  Cronologia e perguntas sem resposta do caso  Tudo o que foi publicado sobre o caso Isabella     Cristina ainda comentou o pedido de habeas-corpus impetrado pelos advogados de defesa de Alexandre e Anna Carolina, que também contestaram a denúncia apresentada pelo promotor Francisco Cembranelli e pediram a anulação da decisão do juiz Maurício Fossen, que acatou integralmente a denúncia. "Não existe erro técnico que exija a nulidade do despacho do juiz. A defesa tenta arrumar argumentos, mas a denúncia está muito bem fundamentada", afirmou.

Mais conteúdo sobre:
caso isabella

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.