Aeroportos de São Paulo operam por instrumentos

Os aeroportos de Congonhas, na zona sul da capital paulista, e o Internacional Governador André Franco Montoro, em Cumbica, Guarulhos, na Grande São Paulo, operam na manhã de hoje com o auxílio de instrumentos para pousos e decolagens em razão das más condições de visibilidade. Apesar disso, segundo a assessoria de imprensa da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero), os vôos e a movimentação de passageiros não estão sendo seriamente afetados.Em Congonhas, o uso de aparelhos teve início às 6 horas, quando o aeroporto abriu. Até 7 horas, dos 22 vôos previstos, nenhum atrasou 30 minutos ou mais e apenas um sofreu cancelamento. Em Cumbica, a utilização de instrumentos começou na noite de ontem e prosseguiu até o fechamento. À zero hora, na reabertura do aeroporto, o esquema foi retomado e permanece agora pela manhã. Até 7 horas, dos 17 vôos previstos, não houve registro de atrasos iguais ou superiores a 30 minutos. Três vôos foram cancelados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.