Aeroportos do País registram atrasos em 6,7% dos vôos

Os aeroportos brasileiros registraram atrasos superiores a uma hora em cem dos 1.486 vôos programados entre zero e 19 horas de hoje. O número corresponde a 6,7% do total de operações. Houve ainda 102 vôos cancelados (6,9%). Os dados são da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero). O Aeroporto Antonio Carlos Jobim, na Ilha do Governador, no Rio, registrou a maior quantidade de atrasos do dia: foram 14 em 129 vôos (10,9%). Oito operações foram suspensas (6,2%). No Aeroporto Santos Dumont, no centro da capital fluminense, em 74 vôos, dois atrasaram (2,7%) e 12 foram cancelados (16,2%). Em Brasília, o Aeroporto Presidente Juscelino Kubitschek teve 13 atrasos (12,5%) e 3 cancelamentos (2,9%) em 104 vôos. Em São Paulo, os aeroportos de Congonhas, na zona sul da cidade, e de Guarulhos, reuniram o mesmo número de vôos fora do horário previsto: sete. Quanto aos cancelamentos, Congonhas contabilizou 28 do total de 215 vôos (13%) e Cumbica, sete de 170 operações (4,1%).

ELVIS PEREIRA, Agencia Estado

07 de novembro de 2007 | 20h22

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.