Alencar tem piora da função renal e passa por hemodiálise

O vice-presidente da República, José Alencar, teve de passar por uma sessão de hemodiálise nesta terça-feira, após apresentar piora em sua função renal durante a recuperação da cirurgia a que foi submetido no fim de semana para a desobstrução do intestino.

REUTERS

30 de novembro de 2010 | 18h36

Alencar, de 79 anos, segue internado na unidade de terapia intensiva do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde se recupera da cirurgia, a 16a a qual se submeteu nos últimos anos.

Segundo boletim médico do hospital, a hemodiálise "transcorreu bem e sem nenhuma intercorrência".

"Os demais parâmetros continuam estáveis", afirma o boletim.

O vice-presidente está hospitalizado desde o dia 23 deste mês. Ele luta contra um câncer na região abdominal há mais de dez anos e, na cirurgia a qual se submeteu no fim de semana, teve retirado o segmento principal de intestino comprometido pela doença.

Alencar tem realizado sessões de quimioterapia para combater o câncer.

(Por Eduardo Simões)

Tudo o que sabemos sobre:
POLITICAALENCARHEMODIALISE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.