Alonso surpreende e vence GP da Malásia; Senna é 6º

Fernando Alonso obteve uma vitória dramática no Grande Prêmio da Malásia neste domingo, arrebatando o que seria o primeiro triunfo de Sérgio Pérez para a Sauber na categoria em uma corrida virada do avesso pelo clima.

REUTERS

25 Março 2012 | 10h07

A prova começou sob chuva torrencial e foi interrompida durante 51 minutos após oito voltas, mas Alonso assumiu assim que foi reiniciada e surpreendeu com a 28ª vitória de sua carreira em um carro que ficou para trás nas duas primeiras baterias dos treinos classificatórios.

"Uma grande surpresa, a vitória de hoje", disse o espanhol e líder do campeonato aos repórteres. "Nosso objetivo era marcar tantos pontos quanto possível. Uma resultado inacreditável, um grande trabalho da equipe".

Felipe Massa só ficou com a 15ª colocação, mas Bruno Senna surpreendeu e cruzou em sexto lugar.

Lewis Hamilton, que largou na pole, repetiu o terceiro lugar da corrida inaugural na Austrália na semana passada, e a Red Bull de Mark Webber cruzou na quarta colocação, com o ex-campeão Kimi Raikkonen em quinto para a Lotus.

Jenson Button, vencedor em Melbourne, e seu companheiro de equipe Sebastian Vettel sofreram colisões no meio da prova com a HRT de Narain Karthikeyan e não pontuaram.

Alonso iniciou a corrida em oitavo, mas ganhou posições e estava em quinto quando a bandeira vermelha subiu, ultrapassando Webber pouco depois da retomada e capitalizando um pit stop bem feito para deixar Hamilton para trás.

O mexicano Pérez ficou a um segundo da Ferrari nos estágios finais da corrida e estava a caminho de assegurar uma vitória improvável, mas perdeu o traçado na curva 13, faltando quatro voltas, e teve que se contentar com o segundo lugar.

Michael Schumacher largou em terceiro mas cruzou na décima posição.

(Reportagem de John O'Brien)

Mais conteúdo sobre:
F1 ALONSO MALASIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.