Anvisa determina apreensão de dois lotes do Viagra

Segundo a agência, os produtos são falsificados e estão presentes em todo o País

Rosana de Cassia, Agência Estado

06 de fevereiro de 2009 | 11h51

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a apreensão e inutilização, em todo o território nacional, de dois lotes do medicamento Viagra. Segundo a Anvisa, os produtos são falsificados. O primeiro lote é de número 832718474B e o segundo, o de número 50483012D. Este segundo lote falsificado apresenta em sua embalagem a validade até janeiro de 2010. Segundo a Anvisa, o lote original do produto tem validade até outubro deste ano. As resoluções da Anvisa foram publicadas na edição de hoje no Diário Oficial da União.

Tudo o que sabemos sobre:
ViagraAnvisaapreensãomedicamentos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.