Após acidente, grávida passa bem e pode ter alta hoje

A previsão da Maternidade Marcia Braido é que Simone Aparecida Davi Fernandes, 29 anos, grávida de 4 meses, tenha alta até o final do dia de hoje. Ela é uma das vítimas do acidente causado pela queda de um ônibus na linha férrea em São Caetano (SP). A informação é da Secretaria de Saúde do município.

CAROLINA SPILLARI, Agência Estado

10 Junho 2011 | 14h35

Exames comprovaram que Simone não sofreu nenhum dano, assim como seu bebê. Seu quadro é estável. A paciente foi transferida do Hospital da Mulher em Santo André para a Maternidade Marcia Braido, a seu pedido, pois já fazia pré-natal na cidade.

Os pacientes que já tiveram alta são Leandro Domingues, Clóvis dos Santos Galdino Junior, Maurilio Batista Santos, Pedro Carrasco, Cleide Aparecida de Brito, Eduardo Guilherme Scavassa, Arlete Amaral, Claudio Almeida e Débora de Santana Prenholato.

Três pacientes continuam no Hospital Albert Sabin, em São Caetano. Gabriela Peralta Belvis sofreu trauma de costela e seu quadro é estável, com respiração normal. Sírio Gonçalves de Souza teve traumatismo craniano leve. Com quadro estável, está em observação. Tiago Augusto de Paula, que sofreu fratura de coluna lombar sem compressão medular, está em observação e tem quadro estável.

No Hospital Maria Braido continua Carolina Pereira Guimarães, que não precisa de cirurgia e transfusão de sangue. Outra vítima do acidente, Marcia Aparecida Beraldo Vicentino, que teve luxação de quadril, foi transferida para o Beneficência Portuguesa. A motorista do ônibus, Lilian de Souza Freitas, de 30 anos, está consciente, estável e na UTI em observação no Hospital Mario Covas, em Santo André. No final da tarde de hoje seu quadro será reavaliado.

Mais conteúdo sobre:
acidente trem queda ônibus SP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.