Após falha em rede, celulares ficam mudos no México

Milhões de celulares ficaram mudos no México na terça-feira, 6, depois que uma rede de telefonia móvel pertencente ao terceiro homem mais rico do mundo, Carlos Slim, entrou em pane. A falha técnica na Cidade do México saturou a rede celular da Telcel, maior operadora móvel mexicana e integrante do grupo América Móvil, que também tem operações no Brasil e é controlada por Slim. "Quando parte da rede perde serviço, as outras entram em apoio", disse a porta-voz da América Móvil, Patricia Ramirez. "Mas houve um problema sério de saturação e começou a afetar outras partes da cidade." A Telcel tem 40 milhões de usuários no México. Os clientes mais afetados foram os que vivem na capital do país e na periferia da cidade, onde a maior parte deles está localizada. O serviço voltou a funcionar horas depois e somente ficou 90% operante no final da tarde, disse Ramirez. A América Móvil controla cerca de 70% do mercado mexicano de telefonia celular e também tem operações na América Latina e Estados Unidos.

Agencia Estado,

07 Fevereiro 2007 | 11h47

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.