Após protesto em refinaria, Via Dutra tem tráfego normal

Segundo da polícia, cerca de 5 mil trabalhadores participaram do ato, em São José dos Campos

Solange Spigliatti, estadao.com.br

16 de maio de 2008 | 13h10

O tráfego de veículos está normalizado na Rodovia Presidente Dutra, na região de São José dos Campos, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal. Uma manifestação da Coordenação Nacional de Lutas (Conlutas) interditou a entrada da Refinaria Henrique Lage (Revap), da Petrobras, localizada ao lado da rodovia, causando um congestionamento que chegou a 10 quilômetros na pista sentido Rio e de cinco quilômetros na pista sentido São Paulo, por volta das 9h30, desta sexta-feira, 16. Segundo da polícia, cerca de 5 mil trabalhadores participaram do ato. Segundo nota divulgada pela Petrobras, a manifestação bloqueou a entrada dos trabalhadores terceirizados às obras de modernização da Refinaria. Houve acionamento das Polícias Militar e Rodoviária para restabelecer a normalidade no tráfego na Via Dutra, que só teve o trânsito fluindo por volta das 11 horas. Ainda segundo a nota, as negociações vêm acontecendo junto ao Sindicato da Construção Civil, que por saber do movimento de hoje, transferiu a sua agenda junto à categoria para a próxima terça-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.