Apreensões em Foz do Iguaçu sobem 16% em janeiro

A Receita Federal em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, divulgou hoje o balanço das apreensões realizadas no primeiro mês do ano na região de fronteira com Paraguai e Argentina. Os volumes totalizaram pouco mais de US$ 8 milhões, o que significa aumento de 16% em relação a janeiro de 2010. O maior valor ficou com os eletrônicos, pouco mais de US$ 2,6 milhões, aumento de 68% comparado com o mesmo período do ano passado.

EVANDRO FADEL, Agência Estado

16 de fevereiro de 2011 | 12h06

Os 269 veículos apreendidos no mês de janeiro foram avaliados em US$ 2,2 milhões. Em termos porcentuais, os relógios foram os que mais cresceram, com 98% de aumento em relação a janeiro de 2010, chegando ao valor de US$ 338 mil. Também se destacam as bebidas, com aumento de 89% (US$ 30 mil). A Receita Federal também apreendeu em janeiro 4.775 unidades de munição, 78 kg de maconha, 2,6 kg de crack e 3,4 kg de cocaína.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.