Área do Pinheirinho vai a leilão por R$ 187 milhões

No fim de setembro, a Justiça deve leiloar a área do Pinheirinho, em São José dos Campos, no Vale do Paraíba, a 90 km de São Paulo. Em janeiro deste ano, a área de 1,3 milhão de metros quadrados foi desocupada depois de uma ação da Polícia Militar e mais de 6 mil pessoas deixaram o local.

GERSON MONTEIRO, Agência Estado

16 de agosto de 2012 | 10h34

O valor, estipulado por uma avaliação da perícia judicial, é de R$ 187 milhões, o dobro do valor venal do terreno, avaliado em aproximadamente R$ 93 milhões. A empresa responsável pelo edital, a Sodré Santoro, deve publicá-lo no dia 26 de agosto. O leilão será presencial, com possibilidade de lances pela internet, com 15 dias de antecedência.

Segundo o advogado do leiloeiro, Sidney Palharini Júnior, "o lance é livre, mas qualquer lance será submetido à apreciação e homologação pelo juiz", ressaltando que o mercado que vai dizer o valor do lance para a venda, considerando a avaliação inicial do perito.

A área pertence à massa falida da empresa Selecta, do grupo de Naji Nahas. Parte da renda será revertida para pagamento de dívidas à prefeitura e ao governo federal, que juntas podem chegar a quase R$ 30 milhões, além de outros credores. De acordo com a Justiça, o imóvel é o único bem em nome da empresa.

O local, considerado área industrial pela Lei de Zoneamento, tem 45% do seu total como área de preservação ambiental. Pouco mais de 700 mil metros podem ser usados para a construção de galpões industriais. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.