Arrecadação de impostos é recorde para mês de agosto

O recolhimento de impostos federais aumentou 15,32 por cento em termos reais em agosto frente ao mesmo período do ano passado e atingiu patamar recorde para o mês, mostraram dados da Receita Federal do Brasil nesta quinta-feira.

REUTERS

16 de setembro de 2010 | 14h58

As receitas de tributos somaram 62,721 bilhões de reais, frente aos 54,387 bilhões de reais recolhidos há um ano, segundo dado corrigido pela inflação.

No acumulado do ano, a arrecadação somou 513,816 bilhões de reais, avanço de 12,59 por cento sobre 2009. Os dados são corrigidos pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

O desempenho refletiu a "recuperação dos principais indicadores macroeconômicos que influenciam a arrecadação de tributos", afirmou a Receita em comunicado.

(Reportagem de Isabel Versiani)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROBRARRECADACAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.