Asfalto cede e abre cratera em rua da zona oeste de SP

Uma faixa da Rua Manuel Pereira da Silva, continuação da Avenida do Estado, sentido centro, desmoronou por volta das 20 horas da quarta-feira (16). A via já passava por intervenções da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e por causa das chuvas o asfalto cedeu ainda mais. Três das quatro faixas da rua estão interditadas. Ninguém se feriu com o desmoronamento.

JULIANA DEODORO, Agência Estado

17 de janeiro de 2013 | 12h34

Como duas faixas da via já estavam interditadas o trânsito ficou ainda mais complicado com o incidente. A CET recomenda aos motoristas que desejam acessar a Avenida São Raimundo que entrem à direita na Rua Dr. Vicente Giacaglini, depois à esquerda na Rua Visconde de Âlcantara, novamente à esquerda na Rua Industrial e retornem à Avenida Francisco Mesquita. Como grande parte do asfalto e da terra caíram no rio Tamanduateí, agentes do Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE) estão no local.

Mais conteúdo sobre:
crateraasfaltoSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.