Astronautas fazem faxina na Estação Espacial

Os astronautas da Estação Espacial Internacional (ISS) deixaram de lado hoje as experiências cientificas para ´passar o aspirador´ e limpar o laboratório espacial.A tripulação internacional terá que tirar o pó e o mofo de uma superfície de mais cem metros quadrados, segundo informou o Centro de Controle de Vôos Espaciais da Rússia (CCVE)."Na ISS não há aspirador, pois não poderia ser usado em condições de falta de gravidade, portanto os astronautas limparão os painéis e equipamentos com guardanapos molhados com água oxigenada", explicou a chefe do grupo de assessoria médica do CCVE, Irina Alfiórova.A especialista explicou à agência "Itar-Tass" que os astronautas usarão um aparelho especial - elaborado especialmente para as condições do espaço por russos - para tirar o pó do interior dos equipamentos cientistas e de outros lugares.Posteriormente, os três tripulantes jogarão o lixo recolhido em contêineres especiais que serão transferidos para a nave de carga russa Progress M-57, que está acoplada à ISS até o fim do ano, quando será afundada no oceano Pacífico.Outros resíduos de maior tamanho, como equipamento velhos desmontados, serão retirados do laboratório orbital pelo ônibus espacial americano Discovery, cujo lançamento rumo à ISS está previsto para o próximo 7 de dezembro.A limpeza será realizada à noite porque o Centro russo e seu análogo americano da Nasa ordenaram há uma semana que os astronautas passassem a trabalhar de noite e dormir de dia, para irem se adaptando à caminhada espacial que efetuarão na noite da próxima quarta-feira.O CCVE lembrou que os conceitos de "dia" e "noite" são relativos na ISS, que em 24 horas dá 33 voltas em torno da Terra, passando por todos os fusos horários.Para evitar confusões, habitualmente as tripulações da Estação vivem segundo a hora GMT, enquanto o CCVE, localizado em Koroliov, cidade satélite de Moscou, opera de acordo com o horário local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.