Atirador da Aclimação tem noite tranquila na cadeia

O administrador de empresas Fernando Behmer Cesar de Gouveia Buffolo, de 33 anos, preso na quinta-feira após ferir quatro pessoas com tiros e se trancar na casa de uma amiga por cerca de nove horas, na Aclimação, passou uma noite tranquila na cadeia, de acordo com um carcereiro do 31º DP (Vila Carrão), na zona leste de São Paulo. Considerado uma pessoa com esquizofrenia pela família, Gouveia não teve qualquer tipo de surto, dormiu normalmente, fez todas as refeições e se manteve calado na cela, disse o funcionário. Ele dividiu o espaço com um professor.

FELIPE TAU, Agência Estado

19 de outubro de 2012 | 11h49

Na manhã de quinta-feira Gouveia baleou três pessoas na porta de casa após reagir a uma tentativa de internação. Ele disparou contra um oficial de Justiça, um enfermeiro e a própria amiga, a psicóloga Silvia Helena Godin, de 45 anos, dona do sobrado onde se encontrava. O enfermeiro e o oficial estão internados na UTI dos hospitais Alvorada e Bandeirantes, respectivamente, e têm quadro estável. A psicóloga foi levada na noite de quinta para o Hospital São Camilo, mas sua família não autorizou a equipe médica a passar informações sobre seu estado de saúde. Um policial militar também foi atingido por uma bala que ricocheteou no escudo de um dos PMs que chegaram para negociar a rendição.

Rendição

Responsável por mobilizar cerca de 30 policiais, que isolaram a Rua Castro Alves, o administrador se rendeu no final da tarde de quinta-feira. Antes de ir para o 31º DP, onde ficam presos com nível superior, ele prestou depoimento no 6º DP e foi indiciado por quatro tentativas de homicídio. Na casa foram encontrados um arsenal de armas, entre revólveres, pistolas e uma espingarda calibre 12.

De acordo com especialistas, se for comprovado que Gouveia tem distúrbios psiquiátricos, ele pode ser considerado inimputável e não poderá ser condenado. Nesse caso, em vez da prisão, a Justiça aplicaria uma medida de segurança, como sua internação.

Tudo o que sabemos sobre:
ATIRADORSPCADEIA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.