Ativista lança 500 mil bolinhas de alto de escadaria em Roma

Graziano Cecchini disse que ato foi em protesto 'contra a situação política da Itália'.

Valquiria Rey, BBC

16 de janeiro de 2008 | 15h00

Turistas e moradores de Roma que passavam na manhã desta quarta-feira pela Praça de Espanha, um dos principais pontos turísticos da capital italiana, foram surpreendidos com uma cascata de bolinhas plásticas coloridas.Do alto da escadaria de Trinitá dos Montes, foram lançadas 500 mil bolinhas coloridas, a grande maioria de cor vermelha, que acabaram se acumulando dentro da Fonte da Barcaccia.O ato foi organizado pelo ativista Graziano Cecchini, de 54 anos, que em outubro do ano passado tingiu de vermelho a Fontana de Trevi, outra grande atração turística de Roma. Cecchini afirmou que a ação teve como objetivo chamar a atenção das pessoas para os problemas políticos do país."É uma operação artística que documenta com arte o problema que temos na Itália", disse Cecchini. "Contam tantas mentiras, que não são nem dos partidos de direita, nem de esquerda."LixoDepois de jogadas as bolinhas, Cecchini distribuiu panfletos para explicar o ato, que foi batizada de "Do Vermelho Trevi à Quadricromia".A polícia foi chamada ao local e interditou a escadaria da Praça de Espanha e a área ao redor da Fonte da Barcaccia para permitir a limpeza do local.Enquanto os lixeiros trabalhavam, Cecchini referiu-se ao problema do lixo acumulado nas ruas de Nápoles, que ainda permanece sem uma solução permanente."Nesta manhã, eles retiraram a imundice três vezes, enquanto afirmam que não é possível construir incineradores em Nápoles", disse. "Quem são os verdadeiros integrantes da Camorra (máfia)? São aqueles que dizem não às novas tecnologias", disse Cecchini.Segundo o ativista, dessa vez o protesto contou com um patrocinador: uma empresa que vende músicas para celular, que investiu 20 mil euros - cerca de R$ 51,6 mil -, muito mais do que foi gasto com o colorante usado para tingir a Fontana de Trevi.As autoridades municipais criticaram o ato e disseram que Cecchini deverá ser multado com base no regulamento de limpeza urbana da cidade.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
itáliaatoprotestobolinhasroma

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.