Ativistas desfazem acampamento próximo á casa de Cabral

Depois de 36 dias, o grupo que acampava nas proximidades da residência do governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), deixou o local na madrugada desta sexta-feira, 06. Intitulado de "Ocupa Cabral", o movimento anunciou em redes sociais que seus membros vão "descansar" para os protestos convocados para este sábado, feriado do Dia da Independência.

MARCELO GOMES, Agência Estado

06 de setembro de 2013 | 10h20

Os ativistas recolheram barracas e outros objetos do acampamento, que havia sido montado na esquina da rua do prédio de Cabral, a Aristides Espínola, com a Avenida Delfim Moreira, na orla do Leblon, na zona sul do Rio.

Mais conteúdo sobre:
protestoacampamentoCabral

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.